Segue-nos
PUBLICIDADE

Famosos

A lutar contra o cancro, Sandro Lima está internado após testar positivo para a Covid-19: “Medo é tudo o que tenho…”

PUBLICIDADE

Sandro Lima revelou que o transplante que necessita foi adiado, porque testou positivo para a Covid-19 e seguiu para os cuidados intensivos…

Publicado

em

Por

Sandro Lima/Instagram

Durante a noite de ontem, Sandro Lima partilhou um relato impressionante no Facebook em que revelou que testou positivo para a Covid-19 e que isso obrigou a um novo adiamento no transplante de medula óssea que necessita por lutar contra a leucemia.

PUBLICIDADE

Após testar positivo, Sandro partilhou que os sintomas intensificaram-se, o que fez com que tivesse de ser internado nos cuidados intensivos do Hospital de Coimbra: “Apenas a tosse se fazia ouvir entre os sintomas… Uma semana depois deparo-me com a chegada da febre e automaticamente acende-se a luz da preocupação. Passei a ficar logo mais atento… Em vez de os picos espassarem ficavam cada vez mais curtos entre si e a febre continuava a trepar números acima“, escreve.

Sexta feira, dia 13, dou entrada nas urgências Covid no hospital de Coimbra a meio da tarde. Pensei eu que seria uma visita rápida. Horas depois já estava instalado numa das camas das enfermarias, de oxigénio no nariz e com medicação a correr-me nas veias. Os dias foram passando e eu acreditava que a partir dali seria sempre a melhorar. Infelizmente não foi assim. A febre continuava a trepar números sem parar, até passar os 40.0*, a tosse era cada vez mais desconfortável, eu começava a ficar com dificuldade em respirar e a falta de ar também teimava em ficar… As coisas não estavam a melhorar e tiveram de me transferir para os cuidados intensivos e por lá estive até ao dia de ontem“, acrescenta.

Numa publicação impressionante, Sandro Lima faz o relato do que presenciou no hospital e das mortes de que se apercebeu: “Foi temível e horrendo olhar para o lado e ver pessoas em coma, entubadas e mais triste foi deixar de ouvir o barulho de algumas máquinas e ver os tubos a serem retirados e pouco depois ver chegar sacos brancos para a cama do nosso lado. Assusta. E muito. E entristece-me ainda mais. Ninguém merece. Muito menos assim, nestas condições“.

Num longo texto, Sandro Lima partilha o medo que sente por esta situação e revela que já está recuperado da Covid-19 e que foi transferido para outra ala, onde continua internado: “Medo é tudo o que tenho. Medo de não conseguir recuperar do covid, medo de sair daqui já tarde e não poder fazer o transplante, medo de já não reunir as condições necessárias para o fazer, tenho medo, medo de não estar cá para contar mais um capítulo da minha história… Neste momento continuo internado mas na hematologia, na minha ala, a recuperar e já negativo. Em breve espero estar em casa“, conclui.

PUBLICIDADE

COMENTÁRIOS

TRENDING