Tecnologia

Usa reconhecimento facial para encontrar pessoas que fotografa no metro

“A tua cara é Big Data” é o nome do projeto inteligente, mas também um pouco assustador, realizado pelo fotógrafo russo Egor Tsvetkov.

Com o objectivo de mostrar como é fácil para completos estranhos reunir informações sobre qualquer um de nós, Egor passou seis semanas tirando cerca de 100 fotos de passageiros do metro de São Petersburgo, antes de usar uma aplicação de reconhecimento facial chamada FindFace, para rastrear os seus perfis na internet.

Ele usou o software “open source” para digitalizar os 55 milhões de utilizadores que estão na VKontakte, a maior rede social da Rússia e, apesar de algumas das suas fotografias tenham pouca semelhança com as fotos on-line, Egor foi capaz de encontrar cerca de 70% das pessoas que fotografou.

“O meu projeto é uma ilustração clara do futuro que nos espera, se continuarmos a divulgar tanto sobre nós mesmos na internet, como fazemos agora”, disse Egor .

Numa época onde as pessoas usam as redes sociais mais do que nunca, talvez seja hora de começarmos a pensar sobre a quantidade de informação que realmente queremos partilhar com o mundo.

To Top