Animais

Cão foi abandonado por ser «diferente», e ia ser abatido, até que alguém o adotou

Infelizmente, é cada vez mais comum vermos casos de cães que nasceram com algum problema físico, ou de saúde, em criadores ilegais, e que depois são abandonados por causa dos seus problemas físicos.

Este cão, chamado Picasso é um desses casos. O animal nasceu com uma deformidade facial que impediu que ele fosse vendido, como todos os seus irmãos, porque ninguém queria pagar por um cachorro assim.

Picasso foi depois entregue a um abrigo, e estava marcado para ser abatido. Pouco tempo depois, o cão ganhou uma companhia, o seu irmão Pablo, que tinha sido devolvido pela família que o tinha comprado, e o criador resolveu levá-lo para o mesmo abrigo onde já estava Picasso. Também ele foi colocado na lista de abate.

Os pequenos irmãos já não tinham muito tempo para serem salvos, e seriam sacrificados em breve. Mas, felizmente, a “Luvable Dog Rescue” parecia saber que eles precisavam de ajuda, e entrou em contacto com o abrigo onde os irmãos estavam.

Liesl Wilhardt, diretora executiva do Luvable Dog Rescue, perguntou se eles estavam com algum cão com aparência diferente ,ou que apresentasse alguma necessidade especial.

“Eles enviaram-me a fotografia de admissão de Picasso. Ele estava enrolado numa cama, e parecia muito triste. O seu rosto torcido era surpreendente, mas tinha olhos suaves e gentis, e para mim foi amor à primeira vista…”, contou Liesl Wilhardt ao The Dodo.

Ao saber que Picasso e o irmão estavam na lista para abate, Liesl rapidamente decidiu resgatar os dois animais, levando-os para o santuário, e fez de tudo para que os dois fossem adotados em conjunto.

De acordo com o “Luvable Dog Rescue”, os cães são extremamente doces e gentis, e amam  todos os que conhecem, além de terem uma ligação muito forte um com o outro.

Eles realmente merecem uma família que os ame muito, e uma casa para sempre.

Confere este vídeo do Portal do Dog:

To Top